Atualização para o Azure Stack Technical Preview 2

A Microsoft anunciou recentemente a disponibilidade da atualização de novembro para o Azure Stack Technical Preview 2. O TP2 foi lançado no final de outubro.

Azure Stack Technical Preview 2 e a atualização de novembro

De acordo com a Microsoft, o Azure Stack Technical Preview 2 traz novos serviços, incluindo o Azure Queue e o Azure Key Vault. A empresa está planejando incluir serviços adicionais nas próximas semanas/meses.

O Technical Preview 2 também traz novas tecnologias para gerenciamento de infraestrutura.

Sobre a atualização de novembro, as novidades podem ser vistas abaixo:

– Novo downloader
O novo downloader agora utiliza o BITS (Background Intelligent Transfer Service) para oferecer uma experiência de download mais estável, além de permitir a pausa e a retomada do download. Este downloader requer o .NET Framework 4.6.

– Correções e melhorias na implantação
A Microsoft implementou algumas correções e melhorias na implantação com base no feedback dos usuários.

– Novo sistema operacional base para host e máquina virtual
O sistema operacional base para host e máquina virtual agora é a versão de avaliação do Windows Server 2016.

A atualização também traz correções para múltiplos bugs, o Azure App Service e versões atualizadas do banco de dados SQL Server/MySQL.

Empresas e profissionais de TI interessados podem fazer o download do Microsoft Azure Stack Technical Preview 2 já com a atualização de novembro� aqui.

Atualização de novembro para o Azure Stack Technical Preview 2

Microsoft Azure Stack será lançado em 2017

A Microsoft anunciou em julho que o Microsoft Azure Stack será lançado em 2017 e também estará disponível como appliance em alguns servidores.

A Microsoft está trabalhando com empresas como HPE, Dell e Lenovo para possibilitar a execução da plataforma em seus servidores quando esta for lançada em 2017.

Disponível como Preview desde janeiro de 2016, o Microsoft Azure Stack é a plataforma de nuvem híbrida da Microsoft. Nascido do Azure, ele ajuda as organizações a oferecer os serviços do Azure a partir de seu próprio datacenter.

Com o Microsoft Azure Stack, a Microsoft traz inovação comprovada – incluindo IaaS e serviços de nível superior de PaaS – a partir de datacenters locais de grande escala e ambientes em escala empresarial para atender às necessidades de negócios dos clientes.

Por que uma plataforma de nuvem híbrida consistente realmente importa? Porque fornece aos clientes acesso ao ecossistema Azure, capacitando os desenvolvedores de TI e as organizações a fazer mais:

Desenvolvedores de aplicativos podem maximizar sua produtividade adotando uma abordagem “escreva o código uma vez, implemente onde quiser” (seja Azure ou Azure Stack). Usando as APIs que são idênticas para Microsoft Azure, eles podem criar aplicativos baseados em código aberto ou tecnologia .NET e executar de forma fácil localmente ou em nuvem pública. Eles também podem aproveitar o rico ecossistema Azure para alavancar seus esforços de desenvolvimento para Microsoft Azure Stack.

Profissionais de TI podem transformar recursos de datacenter no local em serviços Azure IaaS / PaaS mantendo normas já existente e usando as mesmas ferramentas de gerenciamento e automação que a Microsoft utiliza para operar o Azure. Esta abordagem para a nuvem permite que os profissionais de TI estejam habilitados a oferecer serviços para o negócio rapidamente, enquanto continuam a administrar as necessidades da governança corporativa.

Organizações podem adotar a computação em nuvem híbrida, ajudando-as a lidar com negócios e considerações técnicas como regulação, a soberania de dados, a customização e a latência. O Microsoft Azure Stack permite que as empresas tenham liberdade para decidir onde as aplicações e as cargas de trabalho devem residir sem ser limitadas pela tecnologia.

via Baboo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *