Google sofre infecção de malware que pode afetar muitos usuários

A Google sofreu uma infecção de malware de grandes proporções, que afeta mais de 1 milhão de usuários do sistema operacional Android em todo o mundo. Quem revelou a informação foi a companhia de segurança digital Check Point Technologies, que também deu o nome de “Gooligan” para o ataque.

Google sofre infecção de malware que pode afetar muitos usuários

Segundo eles, o malware busca roubar tokens de autenticação para invadir dados de aplicativos como Google Play, Fotos, Docs, G Suite, Drive e Gmail, entre outros. O detalhe é que a infecção ainda está se espalhando, e cerca de 13 mil novos dispositivos são infectados todos os dias.

“Nós estamos vendo uma mudança na estratégia dos hackers, que agora miram em dispositivos móveis para obter informações sensíveis que estão armazenadas neles”, explicam os pesquisadores da Check Point.

Ao invés de roubar informações pessoais, os hackers têm decidido instalar aplicativos da Google Play nos dispositivos do usuário, com o objetivo de gerar lucros dentro de um esquema fraudulento de propagandas. Eles ganhar cerca de US$ 320 mil por mês (R$ 1 milhão) com os comerciais de apps baixados sem o consentimento do usuário.

Um representante da Google disse que a investigação da companhia não achou provas de que o caso resultou no acesso de informações sensíveis dos usuários. “A motivação… é para promover aplicativos, não roubar informações”, conta o representante.

Os apps maliciosos incluem StopWatch, Perfect Cleaner e WiFi Enhancer. A Google disse que já os removeu da Play Store, e que tomou as atitudes necessárias para coibir a disseminação da infecção.

via Adrenaline

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *